Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Fórmula E em São Paulo passará pelo Sambódromo do Anhembi

    E-Prix será no sábado (16), às 14h; Sambódromo também foi usado pela Fórmula Indy em 2010 e 2013

    Sambódromo do Anhembi, em São Paulo
    Sambódromo do Anhembi, em São Paulo José Cordeiro/ SPTuris

    Jairo Nascimentoda CNN

    São Paulo

    Se no carnaval a bateria da escola de samba é o que impulsiona a escola, em fevereiro, na Formula E a bateria elétrica é quem dará alta velocidade para os carros, em março. No próximo sábado (15), o Sambódromo será parte da pista de corrida

    O circuito terá trechos que passam pela passarela paulista do samba, trechos internos ao terreno, como o Palácio de Convenções, e pela avenida Olavo de Fontoura. Ao todo, são 11 curvas.

    A pista terá boas retas para o desenvolvimento da velocidade dos carros que ultrapassam os 300 km/h e, logo ao fim do Sambódromo, está o ponto de “attack mode”, onde os pilotos podem aumentar a potência em 25 KW, o equivalente a 34 cavalos de potência.

    A região recebe toda a estrutura para a corrida e terá restrição da circulação do trânsito na Avenida Olavo de Fontoura, principalmente nos dias da prova.

    Traçado do E-Prix de São Paulo da Formula E / Reprodução / FIA / Fórmula E

    Esta não é a primeira vez que o espaço é usado para uma corrida. O primeiro E-Prix em São Paulo foi em 2023. Em 2010 e 2013 a Fórmula Indy também competiu na região.

    Nesta sexta-feira (15), o primeiro treino livre está marcado para 16h30. No sábado, o segundo treino será às 7h30, em seguida, a qualificação às 9h40 e, por fim, a corrida às 14h.

    Em 2023, durante a primeira edição do E-Prix paulistano, a organização do evento gravou o traçado com a visão de um piloto sobre toda a pista. Veja:

    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas