Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    António Oliveira comenta temor de demissão no Corinthians: “Só controlo minha decisão”

    Técnico português está pressionado após derrota para o Internacional, pelo Brasileirão

    António Oliveira, técnico do Corinthians
    António Oliveira, técnico do Corinthians Rodrigo Coca/Agência Corinthians

    Luis Fabianida Itatiaia

    António Oliveira está pressionado no Corinthians. Nesta quarta-feira (19), o treinador viu a equipe perder mais um jogo no Campeonato Brasileiro, para o Internacional, e estender a série para seis partidas sem vitórias na competição.

    De acordo com o treinador do Timão, visivelmente abatido durante a entrevista coletiva, o revés se deve também a um primeiro tempo negativo do Corinthians. Mesmo com reajustes para o segundo tempo, a equipe não conseguiu furar o bloqueio colorado, que venceu por 1 a 0.

    “Um jogo onde não alcançamos o objetivo de ganhar. Primeira parte fraca das duas equipes, segunda parte com reajustes que permitiram mais volume, mas não suficiente. É descansar porque temos que voltar às vitórias e irmos para o lugar que esse clube merece”, disse o treinador.

     

    Contestado pela torcida do Corinthians, António Oliveira se esquivou sobre a pressão sofrida no cargo. O português afirmou que seguirá trabalhando e que espera a chegada de reforços para uma reação imediata.

    “Eu só controlo minha decisão, e minhas decisões enquanto treinador, minha competência é área técnica. Administração não compete a mim. Vou continuar a trabalhar, sei o que estou fazendo, sou teimoso. Com reajustes no mercado vamos ficar mais fortes. Vamos diminuir o tempo que durante o primeiro turno nós perdemos. Agora é descansar e pensar no próximo jogo”, finalizou.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original