Herói de guerra britânico que arrecadou milhões para saúde ganhará título de sir

Capitão Tom Moore, que deu 100 voltas em seu jardim para juntar mais de 33 milhões de libras, será nomeado cavaleiro após indicação especial de Boris Johnson

Reuters
20 de maio de 2020 às 11:49
Capitão Tom Moore, que arrecadou mais de 33 milhões de libras para serviço de saúde do Reino Unido
Foto: Peter Cziborra -15.abr.2020/ Reuters

O capitão Tom Moore, que se tornou herói nacional no Reino Unido após arrecadar mais de 33 milhões de libras (R$ 233 milhões) para o Serviço Nacional de Saúde antes do seu 100º aniversário, vai ganhar o título de cavaleiro. Moore será "Sir Tom" depois de uma indicação especial do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson.

O veterano da 2ª Guerra Mundial arrecadou a soma recorde ao completar meticulosamente 100 voltas em seu jardim com a ajuda de uma estrutura de caminhada, tornando-se um símbolo da resistência britânica diante das adversidades pela crise do coronavírus.

Moore disse se sentir honrado e que estava ansioso para conhecer a rainha Elizabeth II, de 94 anos. "Espero que ela não tenha a mão muito pesada com a espada", afirmou Moore. "Até então, eu poderia ser uma alma pobre e fraca."

Leia também: 

Em meio ao coronavírus, Europa celebra os 75 anos do fim da 2ª Guerra Mundial

Dias melhores vão voltar e nos encontraremos de novo, diz rainha Elizabeth II

O título de cavaleiro é concedido pela monarca tocando os ombros do homenageado com uma espada. Questionado sobre o que ele falará à rainha, Moore disse: "Qualquer discussão entre mim e a rainha terá que ser mantida em segredo".

"Estou impressionado com o fato de que isso tenha acontecido comigo", declarou. A honraria é a mais recente concedida a Moore. No seu 100º aniversário, no mês passado, ele foi nomeado coronel honorário e membro honorário da equipe de críquete da Inglaterra.