Espanha, França, Suécia: veja países que já registraram nova cepa do coronavírus

O Reino Unido foi o primeiro país a detectar a mutação do vírus; nova variante se espalhou para outros países dentro e fora da Europa

Will Marinho, da CNN, em São Paulo
26 de dezembro de 2020 às 19:34 | Atualizado 26 de dezembro de 2020 às 21:20
Foto: LMMV/IOC/Fiocruz

Após a detecção de uma nova variante do novo coronavírus no sul da Inglaterra, outros países também começaram a identificar casos da nova cepa do virus causador da Covid-19.

Na Europa, Espanha, França, Alemanha e Suécia, estão na lista. Fora do continente europeu, a Austrália, Canadá, Japão, Israel e Líbano registrou casos da variação do vírus. Já a África do Sul identificou outra variante do novo coronavírus, distinta da surgida no Reino Unido, que as autoridades acreditam estar causando um aumento nas infecções por Covid-19, o que pode sobrecarregar o sistema de saúde.

. Confira a lista de países que encontraram a nova mutação do coronavírus:

Leia também:
Saiba quais são os países que já estão vacinando; Brasil está fora
Nova variante da Covid-19 é entre 50% e 74% mais contagiosa, afirma estudo
'Não esperamos 90% de eficácia da Coronavac', diz secretário da Saúde de SP

  • Dinamarca, Holanda e Austrália

A nova variante da Covid-19, originária no sul da Inglaterra, foi identificada na Dinamarca, na Holanda e na Austrália, disse a líder técnica da Organização Mundial da Saúde (OMS), Maria Van Kerkhove, no domingo (20).

“Compreendemos que o vírus não causa infecções mais graves com base nas informações preliminares que o Reino Unido compartilhou conosco, embora esses estudos estejam em andamento para examinar pacientes hospitalizados com esta variante. É preocupante que o vírus esteja se espalhando e tenha tantas mutações”, afirmou ela.

  • Espanha

Quatro pessoas em Madri foram diagnosticadas com a variante do novo coronavírus detectada no Reino Unido, disse Antônio Zapatero, conselheiro de saúde da região, no sábado (26).

“Nós sabemos que essa variante é mais transmissível, mas não causa reações mais severas”, disse ele.

  • Alemanha

A nova variante do coronavírus também foi localizada na Alemanha, disse o estado alemão de Baden-Wuerttemberg na quinta-feira (24).

A pessoa infectada viajou do Reino Unido a Frankfurt em 20 de dezembro para visitar parentes e testou positivo na chegada, explicou o Ministério da Saúde alemão. 

  • França e Irlanda

Os dois países identificaram a nova cepa do vírus nesta sexta-feira (25). Na Irlanda, o caso foi notificado sem detalhes. "Posso confirmar que detectamos a nova variante do Reino Unido do SARS-CoV-2 por sequenciamento do genoma completo no National Virus Reference Laboratory", disse o diretor médico Tony Holohan em um comunicado.

Um cidadão francês que vive na Inglaterra deixou Londres para a cidade francesa de Tours no fim de semana passado e foi internado na segunda-feira (21), disse o Ministério da Saúde francês em um comunicado. O hospital informou que a pessoa é estava isolada em casa e passava bem.

  • Suécia

Autoridades de saúde suecas diagnosticaram um caso da nova variante do coronavírus na região de Sörmland, nos arredores de Estocolmo. A informação foi divulgada pela Agência de Saúde Pública do país neste sábado (26).

A pessoa em questão, que fez o teste para a nova variante do novo coronavírus, viajou do Reino Unido para a Suécia no Natal.

  • Canadá 

Autoridades de saúde em Ontário notificaram a existência de dois casos da nova variante do coronavírus na província canadense. Os casos canadenses, foram identificados em um casal no sul de Ontário sem histórico conhecido de viagens, exposição ou contato de alto risco.

"Isso reforça ainda mais a necessidade dos ontarianos de ficarem em casa o máximo possível e continuarem a seguir todos os conselhos de saúde pública, incluindo as medidas de paralisação em toda a província a partir de hoje", disse a Dra. Barbara Yaffe, diretora médica associada de Ontário, em um comunicado.

  • Japão

Enquanto o Japão segue combatendo a Covid-19, a nova variante do vírus também foi detectada em um homem que visitou o Reino Unido e um membro de sua família. "Foram os primeiros casos de pessoas infectadas encontradas fora dos postos de controle do aeroporto", informou a Nippon TV no sábado (26).

O país anunciou neste sábado (25) a proibição da entrada de estrangeiros não residentes no país, em uma tentativa de proteger suas fronteiras após detectar casos da nova cepa do coronavírus.

  •  Líbano

"Registramos a detecção do primeiro caso da nova variante da Covid-19 no voo 202 da Middle East Airlines vindo de Londres em 21 de dezembro", disse o Ministério da Saúde do Líbano nesta sexta-feira (25), solicitando medidas de precaução a todos os passageiros e suas famílias.

O Líbano , com uma população estimada em 6 milhões de pessoas, registrou mais de 1.000 mortes de Covid-19.

  • Israel

De acordo com o Ministério da Saúde de Israel, foi detectado quatro casos da nova variante do coronavírus na quarta-feira (23)."Três dos casos foram retornados da Inglaterra e estão isolados em um hotel designado como instalação de quarentena do coronavírus, e quarto segue em investigação",explicou o Ministério da Saúde.