Kim Jong-un visita mausoléu da família em meio a mudanças estruturais no poder

Coreia do Norte anunciou a mais recente em uma série de mudanças de liderança que podem ser a remodelação mais significativa de altos funcionários em anos

Minwoo Park, da Reuters
08 de julho de 2021 às 14:45
Kim Jong-un
Líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, visita túmulo do avô
Foto: Reuters

O líder norte-coreano Kim Jong-un visitou o Palácio do Sol de Kumsusan na quinta-feira (8) para homenagear seu avô Kim Il Sung no 27º aniversário da morte do fundador do estado.

Em um vídeo transmitido pela televisão estatal KRT, que a Reuters não pode verificar de forma independente, Kim Jong-un e altos funcionários foram vistos entrando no mausoléu da família, onde estão os corpos embalsamados de Kim Il Sung e do falecido líder Kim Jong Il, e curvando-se na frente das estátuas.

Na semana passada, a Coreia do Norte anunciou a mais recente em uma série de mudanças de liderança que podem ser a remodelação mais significativa de altos funcionários em anos.

A mídia estatal não deu detalhes sobre as mudanças de pessoal, mas analistas acreditam que incluíram rebaixamentos para aqueles que Kim culpou por causar uma "grande crise" não especificada com lapsos de coronavírus em meio a problemas econômicos e escassez de alimentos agravados pelo fechamento de fronteiras contra a pandemia da Covid-19.

As imagens do KRT parecem confirmar que Ri Pyong Chol, um dos principais conselheiros que desempenha um papel importante nos programas nucleares e de mísseis balísticos da Coreia do Norte, pelo menos perdeu sua posição no Presidium do Politburo.

Ri, que às vezes usa seu uniforme militar, foi visto nas fotos vestindo roupas civis e em pé várias fileiras atrás de Kim, indicando que seu novo papel não está claro.