Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    À CNN, Josep Borrell diz que não vê “Guerra Fria” dos EUA contra a China

    Chanceler também afirmou que “a União Europeia está mais perto de Washington do que de Pequim”

    Da CNN

    Em São Paulo

    Ouvir notícia

    Em entrevista à CNN Brasil, o chefe de política externa da União Europeia, Josep Borrell, afirmou que “a União Europeia está mais perto de Washington do que de Pequim”. O diplomata também apontou que a disputa de forças entre Estados Unidos e China não representa uma nova “Guerra Fria”.

    “É certo que o confronto entre Estados Unidos e China vai moldar o século 21. E a pandemia acelerou esse peso, essa influência da Ásia nos assuntos mundiais. Essa bipolaridade não é exatamente a mesma da Guerra Fria, quando a União Soviética enfrentava militarmente — e só militarmente — os Estados Unidos. A União Europeia sempre estará mais próxima de Washington do que de Pequim, porque compartilhamos o mesmo sistema político e econômico. Mas ser aliado não significa estar alinhado”, afirmou.

    O chanceler da União Europeia ainda indicou que os esforços do Brasil na preservação ambiental devem facilitar um futuro acordo comercial com o Mercosul.

    “É verdade que, no parlamento europeu e em alguns países, há uma grande preocupação pelo desmatamento ilegal, que representa uma ameaça para a mudança climática. E o acordo com o Mercosul dificilmente será ratificado se não forem levadas em consideração especialmente esta preocupação, que sem dúvida é legítima”, afirmou Borell.

    Confira esses e mais destaques no vídeo acima.

    (Publicado por Daniel Fernandes)

    Mais Recentes da CNN