Alemanha deve fornecer armas à Ucrânia que possam ser usadas, diz Scholz

Desde a invasão russa na Ucrânia, a Alemanha demonstrou uma mudança em sua tendência histórica de não fornecer armas a zona de conflitos

Chanceler alemão, Olaf Scholz
Chanceler alemão, Olaf Scholz 24/03/2022REUTERS/Gonzalo Fuentes

Thomas EscrittMaria Sheahanda Reuters

Em Berlim

Ouvir notícia

A Alemanha só pode fornecer à Ucrânia armas que o exército do país saiba usar, disse o chanceler alemão Olaf Scholz, nesta quarta-feira (6).

“Estes são estoques [de armas] muito antigos que foram usados ​​pelo NVA (exército da antiga Alemanha Oriental comunista), que têm a vantagem de que podem ser usados ​​particularmente bem na Ucrânia, porque eles têm experiência com esse equipamento”, disse Scholz a parlamentares no Bundestag, casa do parlamento alemão. “Temos que fornecer equipamentos que possam ser usados.”

Após a invasão da Ucrânia pela Rússia, a Alemanha disse que forneceria mísseis Strela e outras armas para a Ucrânia, demonstrando uma mudança histórica de sua política de não enviar armas para zonas de conflito.

Mais Recentes da CNN