Ataque do Estado Islâmico mata dois e fere seis em Israel

Dois agressores foram baleados e mortos pela polícia local, segundo autoridades israelenses

Members of the Zaka voluntary organization are seen at the scene of a shooting attack in Hadera, March 27, 2022. Two police officers were killed and several other people were wounded in a shooting attack in the northern city of Hadera on Sunday night, police and medics said. (Photo by Gili Yaari/NurPhoto via Getty Images)
Members of the Zaka voluntary organization are seen at the scene of a shooting attack in Hadera, March 27, 2022. Two police officers were killed and several other people were wounded in a shooting attack in the northern city of Hadera on Sunday night, police and medics said. (Photo by Gili Yaari/NurPhoto via Getty Images) NurPhoto via Getty Images

Elliot Gotkineda CNN

Ouvir notícia

Agentes do Estado Islâmico mataram duas pessoas e feriram seis em um ataque a tiros no domingo (27) na cidade israelense de Hadera, cerca de 50 quilômetros ao norte de Tel Aviv, disseram autoridades israelenses.

O ataque – o segundo do tipo em uma semana – coincidiu com uma cúpula regional histórica no deserto de Negev, em Israel, onde os principais diplomatas dos Emirados Árabes Unidos, Bahrein, Marrocos, Egito, Israel e Estados Unidos estão se reunindo para discutir questões de segurança.

“Condenamos o ataque terrorista de hoje em Hadera, Israel”, tuitou o secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, no domingo, de Israel. “Esses atos sem sentido de violência e assassinato não têm lugar na sociedade. Estamos com nossos parceiros israelenses e enviamos nossas condolências às famílias das vítimas”.

O ISIS assumiu a responsabilidade pelo ataque, de acordo com o SITE Intelligence Group, que citou um post da agência de notícias Amaq, afiliada ao ISIS. A Amaq postou uma captura de tela de um vídeo que circulou nas mídias sociais mostrando dois homens mascarados jurando lealdade ao líder do ISIS antes do ataque.

A Amaq chamou o ataque de “ataque de comando imersivo duplo por combatentes do Estado Islâmico”, de acordo com o SITE.

Os dois agressores, que foram baleados e mortos pela polícia local, eram da cidade israelense de maioria árabe de Umm al-Fahm, no distrito norte de Haifa. Um porta-voz da polícia disse que os agentes atiraram contra policiais em Hadera, matando dois membros da força policial de fronteira.

“Há pouco tempo, dois terroristas chegaram à rua Herbert Samuel em Hadera e começaram a disparar contra uma força policial local. Como resultado do tiroteio, foi determinada a morte de dois transeuntes”, disse o porta-voz.

“Uma força disfarçada que estava no local procurou contato e, após um breve tiroteio, neutralizou os terroristas”, acrescentou o porta-voz.

O Centro Médico Hillel Yaffe em Hadera disse que seis pessoas ficaram feridas no ataque, duas das quais estão em estado grave.

Na terça-feira, um agressor árabe-israelense matou quatro pessoas em um ataque com faca na cidade de Beersheba, no sul de Israel, antes de ser morto a tiros por um transeunte, segundo a polícia israelense. O agressor já havia sido preso por apoiar o ISIS, de acordo com o judiciário israelense.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN