Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Casa Branca diz que Irã é cúmplice de ataque do Hamas, mas afirma que não há provas de participação

    Jake Sullivan disse que o Irã forneceu a maior parte do financiamento para a ala militar do Hamas, além de formação e apoio

    Donald Juddda CNN

    O Irã é “cúmplice, em sentido amplo”, no ataque do Hamas a Israel, não há informações de inteligência que indiquem que Teerã ofereceu especificamente apoio no caso, disse, nesta terça-feira (10), o conselheiro de Segurança Nacional da Casa Branca, Jake Sullivan.

    “Dissemos desde o início que o Irã é cúmplice num sentido amplo, porque forneceu a maior parte do financiamento para a ala militar do Hamas, forneceu formação, forneceu capacidades, forneceu apoio. Eles tiveram envolvimento e contato com o Hamas ao longo de anos e anos, e tudo isso desempenhou um papel na contribuição para o que vimos”, citou Sullivan.

    “Agora, quanto à questão de saber se o Irã sabia antecipadamente ou se ajudou a planejar ou dirigir este ataque, não temos, no momento em que estou aqui, confirmação disso”, prosseguiu.

    Sullivan disse em entrevista coletiva que o governo norte-americano estava conversando com os israelenses e “analisando nossos acervos de inteligência para ver se temos mais informações sobre isso”, acrescentando: “Se houver uma atualização sobre isso, compartilharei com vocês. ”

    “Mas, no momento, embora o Irã desempenhe este papel amplo, este papel sustentado, profundo e obscuro no fornecimento de todo este apoio e capacidades ao Hamas, em termos deste ataque horrível específico de 7 de outubro, não temos atualmente essa informação.”

    Pressionado sobre por que Israel não foi capaz de antecipar o ataque do Hamas, Sullivan encaminhou as perguntas às autoridades israelenses.

    Da parte dos Estados Unidos, declarou: “Não vimos nada que sugerisse que um ataque deste tipo iria acontecer mais do que os israelenses”.

    O envolvimento do Irã no ataque foi negado pelo líder supremo do país, o aiatolá Ali Khamenei.

    “Os apoiadores do regime sionista e alguns desse regime usurpador disseram algumas bobagens nestes últimos dias de que a República Islâmica do Irã estava por detrás deste ato. Eles estão enganados”, afirmou Khamenei.

    “Aqueles que dizem que os atos dos palestinos provêm de não-palestinos não têm uma verdadeira compreensão do povo palestino e fazem cálculos errados”, acrescentou.

    Veja imagens do conflito entre Israel e Hamas

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original