Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Cerca de 15 mil militares russos foram mortos na Ucrânia, diz secretário britânico

    Ben Wallace, secretário de Defesa britânico, disse ainda que mais dois mil veículos blindados russos, incluindo mais de 500 tanques, foram destruídos na guerra

    Secretário britânico de Defesa, Ben Wallace,
    Secretário britânico de Defesa, Ben Wallace, 20/07/2021 Franck Robichon/Pool via REUTERS


    Benjamin BrownNathan Hodgeda CNN

    Ouvir notícia

    O secretário de Defesa britânico, Ben Wallace, disse nesta segunda-feira (25) que aproximadamente 15 mil militares russos foram mortos na Ucrânia desde o início da invasão, de acordo com avaliações britânicas.

    Wallace disse à Câmara dos Comuns que mais de dois mil veículos blindados russos, incluindo mais de 500 tanques, foram destruídos na guerra, juntamente com 60 helicópteros e caças.

    Os números oficiais de baixas da Rússia, no entanto, são muito menores do que a estimativa do Reino Unido.

    Os últimos números divulgados pelo Ministério da Defesa russo em 25 de março listavam 1.351 de seus militares mortos na Ucrânia e 3.825 feridos.

    Wallace também disse aos legisladores que a Grã-Bretanha fornecerá à Ucrânia um “pequeno número” de veículos blindados Stormer equipados com lançadores de mísseis antiaéreos.

    Os “veículos Stormer darão às forças ucranianas capacidades antiaéreas de curto alcance aprimoradas, tanto de dia quanto de noite”, disse ele.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original

    Mais Recentes da CNN