Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Chefe da ONU diz estar preocupado com escalada de conflito após ataque do Irã contra Israel

    António Guterres pediu para que seja evitada qualquer ação que possam levar a grandes confrontos militares

    Da CNN

    O secretário-geral da ONU, António Guterres, condenou o ataque do Irã a Israel neste sábado (13) e pediu moderação e uma cessação imediata das hostilidades.

    “Estou profundamente alarmado com o perigo muito real de uma escalada devastadora em toda a região”, disse Guterres. 

    “Peço a todas as partes que exerçam a máxima contenção para evitar qualquer ação que possa levar a grandes confrontos militares em múltiplas frentes no Médio Oriente”, prosseguiu.

    Irã e o Hezbollah lançaram mais de 200 artefatos, entre drones e mísseis, contra o território israelense.

    A retaliação do Irã já estava prevista pelas autoridades israelenses, após a República Islâmica acusar Israel de realizar um ataque contra uma representação diplomática do país na Síria, na semana passada, em meio à intensificação das tensões entre os dois países nos últimos meses.

    “O malicioso regime sionista será punido”, disse o líder supremo do Irã, o aiatolá Ali Khamenei, em publicação nas redes sociais neste sábado.

    Na ONU, o Irã disse que o ataque foi uma resposta ao ataque do país ao consulado iraniano em Damasco e que “o assunto pode ser considerado concluído”.

    A Missão Permanente do Irã nas Nações Unidas em Nova Iorque afirmou que a ação foi uma resposta à “agressão israelita contra as nossas instalações diplomáticas em Damasco”.

    “No entanto, se o regime israelense cometer outro erro, a resposta do Irã será consideravelmente mais severa. É um conflito entre o Irã e o regime israelense desonesto, do qual os Estados Unidos devem ficar longe!”, declarou.

    *Publicado por Douglas Porto, com informações da Reuters e da CNN Internacional