Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Comboio russo avançou de Ivankiv para arredores de Kiev; veja imagens de satélite

    Cerca de 64 quilômetros de estrada estão tomados pelo comboio, que consiste em blindados, tanques, artilharia rebocada e outros veículos logísticos

    Paul P. Murphyda CNN

    Ouvir notícia

    Um comboio militar russo que estava fora de Ivankiv, na Ucrânia, no domingo (27), chegou aos arredores de Kiev, mostram imagens de satélite.

    No domingo, o comboio estava a cerca de 64 quilômetros a noroeste da capital ucraniana, de acordo com imagens fornecidas pela Maxar Technologies.

    Maxar disse, inicialmente, que cerca de 27 quilômetros de estrada estavam tomados pelo comboio, que consiste em veículos blindados, tanques, artilharia rebocada e outros veículos logísticos. Mais tarde, a empresa atualizou o número, dizendo que a extensão do comboio chega a 64 quilômetros (40 milhas).

    A Maxar Technologies também disse que forças terrestres e unidades de helicópteros de ataque ao solo foram vistos no sul da Bielorrússia, a menos de 32 km ao norte da fronteira com a Ucrânia.

    A Maxar atribuiu o comprimento atualizado do comboio a imagens de satélite adicionais que eles coletaram e analisaram.

    A empresa disse que dados e imagens coletadas na segunda-feira mostram que o comboio se estende da base aérea de Antonov – a cerca de 27 quilômetros do centro da cidade de Kiev – ao norte de Pribyrsk, na Ucrânia.

    Para se entender a distância de Pribyrsk da capital ucraniana, a pequena cidade está mais próxima da fronteira Ucrânia-Bielorrússia e do reator nuclear fracassado em Chernobyl do que de Kiev.

    A empresa observou que viu nuvens de fumaça subindo de várias casas e prédios ao norte e noroeste de Ivankiv, perto das estradas por onde o comboio está viajando. Neste momento, não está claro o que causou as nuvens de fumaça.

    De acordo com Maxar, em algumas áreas as estradas estão tão cheias de veículos militares que chegam a causar engarrafamentos.

    No domingo, a Maxar mediu o comboio – então perto de Ivankiv, na Ucrânia – com cerca de 5 quilômetros de comprimento.

    A empresa privada norte-americana disse que o comboio estava localizado na rodovia T-1011, na base aérea de Antonov, por volta das 11h11, horário local.

    A base aérea de Antonov foi palco de intensos combates na quinta-feira. É também o local onde o maior avião do mundo – o Antonov AN-225 Mriya – foi mantido. O governo ucraniano disse que militares russos destruíram o avião.

    *Com informações da Reuters

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original

    Mais Recentes da CNN