Três pessoas morrem e seis ficam desaparecidas após desabamento na Itália

Autoridades do país afirmaram que uma explosão devido a um vazamento de gás fez um prédio colapsar

Prédio desaba em Ravanusa, Itália, após explosão por vazamento de gás
Prédio desaba em Ravanusa, Itália, após explosão por vazamento de gás Reprodução Twitter/Vigili del Fuoco

Radina GigovaBarbie Nadeauda CNN

Ouvir notícia

Pelo menos três pessoas morreram e seis estão desaparecidas depois que vários prédios na cidade siciliana de Ravanusa desabaram na manhã deste domingo (12), de acordo com autoridades italianas.

Duas pessoas foram resgatadas com vida.

O prefeito de Ravanusa Carmelo D’Angelo disse em uma entrevista à televisão RAI, no domingo, que nenhuma criança está entre os desaparecidos.

As autoridades italianas afirmaram que o prédio desabou após uma explosão causada por um grande vazamento de gás, que destruiu três casas e danificou outra, de acordo com a agência de notícias italiana ANSA.

“O gás acumulou-se no subsolo ou em ambiente fechado. O acionamento do elevador pode ter provocado a explosão”, disse à ANSA o comandante do Corpo de Bombeiros de Agrigento Giuseppe Merendino.

“Nos próximos dias, faremos investigações mais detalhadas”, completou Merendino, acrescentando que “é certo que essa explosão é um evento excepcional”.

As possíveis causas da ruptura da tubulação de gás podem ser mau tempo, deslocamento do solo ou elevação, informou a ANSA.

Este é um texto traduzido. Clique aqui para ler o original.

Mais Recentes da CNN