Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Em acordo com a Rússia, Ucrânia abrirá corredores humanitários em dez cidades

    Segundo a vice-primeira-ministra ucraniana, comboio com alimentos e remédios tentará chegar a Mariupol, cercada por forças russas

    Homem foge com cachorro de Irpin, cidade ucraniana bombardeada pelos russos
    Homem foge com cachorro de Irpin, cidade ucraniana bombardeada pelos russos Chris McGrath/Getty Images

    Max Hunderda Reuters

    Ouvir notícia

    A Ucrânia tentará evacuar civis por 10 “corredores humanitários” nesta segunda-feira (14), inclusive de cidades próximas à capital Kiev e na região leste de Luhansk, disse a vice-primeira-ministra Iryna Vereschuk.

    “Vamos, mais uma vez, tentar desbloquear o movimento do comboio humanitário que transporta alimentos e remédios para a cidade portuária de Mariupol“, disse ela em um discurso em vídeo.

    A cidade, no sudeste do país, está cercada pelas forças russas e já sofre com a falta de recursos básicos para a população. Segundo a inteligência do Reino Unido, a Rússia está tentando cercar toda a região para “sufocar” as tropas ucranianas e tomar Mariupol.

    A liberação dos novos corredores se dá no mesmo dia da quarta reunião entre negociadores dos dois países. As conversas, realizadas por vídeo, estão previstas para às 10h30 no horário de Kiev (5h30 no horário de Brasília).

    “Um grande número de questões requer atenção constante. Na segunda-feira, 14 de março, será realizada uma nova sessão de negociação para resumir os resultados preliminares”, publicou nas redes sociais o conselheiro presidencial ucraniano, Mykhailo Podoliak.

    Mais Recentes da CNN