Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Gabinete de guerra de Israel encerra reunião sobre resposta aos ataques do Irã

    Líderes regionais e aliados de Israel pediram por moderação, enquanto tensão regional aumenta

    Soldados israelenses colocam uma bandeira num veículo militar perto da fronteira entre Israel e Gaza
    Soldados israelenses colocam uma bandeira num veículo militar perto da fronteira entre Israel e Gaza 15/04/2024REUTERS/Amir Cohen

    Benjamin Brownda CNN

    Uma reunião entre autoridades do gabinete de guerra israelense sobre uma possível resposta aos ataques retaliatórios do Irã foi concluída, disse uma autoridade israelense à CNN. A fonte não deu detalhes sobre as negociações.

    A discussão, que começou às 12h30, no horário local, foi a quinta série de negociações realizadas pelo gabinete de guerra desde o fim de semana, quando o Irã lançou uma barragem de mísseis em retaliação a um suposto ataque israelense a um edifício diplomático iraniano em Damasco, na Síria.

    O ataque sem precedentes do fim de semana do Irã foi a primeira vez que o Irã disparou diretamente contra Israel a partir do seu território, à medida que as tensões regionais aumentam devido à ofensiva militar de Israel em Gaza.

    Os líderes regionais e aliados de Israel pediram por moderação enquanto Israel planeja sua resposta, em um esforço de alto risco para minimizar uma escalada mais ampla da ofensiva militar de Israel na Faixa de Gaza.

    Israel deve equilibrar a pressão internacional para mostrar moderação, por um lado, enquanto procura uma resposta adequada à ofensiva.

    O primeiro-Ministro Benjamin Netanyahu tem agora de ponderar o apelo da sua coligação de direita a uma reação forte contra o risco de um maior isolamento internacional para Israel, através do alargamento da guerra sem apoio internacional.

    *com informações de Benjamin Brown, da CNN