Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Incêndio destrói prédio histórico da antiga bolsa de valores da Dinamarca; veja fotos

    Autoridades lamentaram perda de patrimônio cultural em Copenhague; fogo não deixou vítimas

    Incêndio toma conta da histórica bolsa de valores de Copenhague
    Incêndio toma conta da histórica bolsa de valores de Copenhague 16/4/2024 Ritzau Scanpix/Ida Marie Odgaard/via REUTERS

    Da CNN

    Um enorme incêndio engoliu a antiga bolsa de valores de Copenhague, um dos marcos mais famosos da capital dinamarquesa, fazendo com que sua torre desmoronasse enquanto funcionários e cidadãos tentavam resgatar pinturas e artefatos históricos do incêndio.

    Passageiros atordoados e curiosos observaram enquanto o fogo podia ser visto destruindo a torre de 56 metros do edifício – em forma de cauda de quatro dragões entrelaçados – momentos antes de desabar e cair na rua abaixo.

    Alguns pedestres até se juntaram aos serviços de emergência para correr dentro do prédio em chamas e ajudar a transportar grandes pinturas renascentistas e outros objetos para longe do incêndio.

    O vice-primeiro-ministro da Dinamarca, Troels Lund Poulsen, chamou o incêndio de “nosso próprio momento Notre Dame”, referindo-se ao incêndio que destruiu o telhado e o pináculo da catedral de Paris, há cinco anos.

    O incêndio começou por volta das 8h30, hora local, nesta terça-feira (16), um chefe do corpo de bombeiros de Copenhague disse à CNN. Pouco antes das 11h, ele disse que quase metade do prédio havia sido destruída por um incêndio.

    “Tentamos resgatar muitas pinturas históricas que estavam dentro do prédio e do mobiliário histórico”, disse à CNN Jakob Vedsted Andersen, diretor executivo do serviço de bombeiros e resgate da Grande Copenhague. Ele disse que era “muito cedo” para especular sobre as causas do incêndio.

    A polícia de Copenhague disse às pessoas para evitar a área e não houve relatos de feridos até agora.

    As pessoas estavam no prédio quando o incêndio começou, mas todas foram retiradas, disse um porta-voz da polícia que acrescentou que os militares estavam no local para apoiar os esforços de combate a incêndios.

    Um “pedaço da história dinamarquesa” está em chamas, disse o primeiro-ministro Mette Frederiksen, chamando o patrimônio cultural do edifício de “insubstituível”.

    O edifício Børsen está no coração dos negócios dinamarqueses desde o século XVII.

    A antiga bolsa de valores – localizada a poucos minutos a pé do Palácio de Christiansborg – remonta a 1625. Foi construído no estilo renascentista holandês a pedido do rei Cristiano IV e recentemente passou por reformas com sua fachada coberta de andaimes e revestimentos de proteção.

    O ministro da Cultura da Dinamarca, Jakob Engel-Schmidt, disse que 400 anos de patrimônio cultural foram danificados.

    “Como é comovente ver como os funcionários da Børsen, pessoas dos serviços de emergência e pedestres trabalham juntos para resgatar tesouros de arte e imagens icônicas do prédio em chamas”, acrescentou em um post no X, antigo Twitter.

    A Câmara de Comércio dinamarquesa, que é baseada no edifício, descreveu a cena como “uma visão terrível.”

    Os serviços de emergência tentaram controlar o fogo, mas as chamas se espalharam por todos os pisos através do poço do elevador.

    Frank Trier Mikkelsen, gerente de operações dos bombeiros da Grande Copenhague, disse que o fogo está queimando “violentamente” dentro do prédio, de acordo com a TV 2, um canal de TV de propriedade do governo.

    Quarenta bombeiros estavam dentro do prédio, com objetos de valor sendo resgatados, informou a TV 2.

    Mikkelsen disse à emissora dinamarquesa que o incêndio é de um tipo que os gerentes de emergência temem, explicando que partes do telhado do prédio precisam ser removidas para extingui-lo.

    Ele acrescentou que máquinas foram chamadas para remover parte do telhado de cobre, para ajudar no combate com água.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original