Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Israel confirma terceira morte de refém em Gaza

    Vítima foi levada de um kibutz em 7 de outubro

    Multidão aplaude quando helicópteros transportando crianças israelenses libertadas chegam ao hospital
    Multidão aplaude quando helicópteros transportando crianças israelenses libertadas chegam ao hospital Reuters

    Lauren Izsoda CNN

    As Forças de Defesa de Israel confirmaram na terça-feira (28) a morte do refém Ravid Katz, que foi levado para Gaza durante o ataque do Hamas, em 7 de outubro.

    É a terceira morte de refém que o exército de Israel confirma desde o começo da guerra. Noa Marciano e Yehudit Weiss também foram encontradas mortas, em Gaza, perto do hospital Al-Shifa.

    Israel afirma que o corpo de Katz está em poder do Hamas. Não está claro se ele morreu em Gaza ou se foi morto em Israel e o seu corpo foi levado para Gaza.

    Katz foi sequestrado do Kibutz Nir Oz. Ele é irmão de Doron Katz Asher, um refém que foi libertado na sexta-feira (24).

    Até agora, 69 reféns foram libertados pelo Hamas e 150 palestinos foram soltos de prisões israelenses. Israel acredita que há 173 pessoas ainda sob domínio do grupo radical.

    Este conteúdo foi criado originalmente em Internacional.

    versão original