Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Lula e demais chefes de Estado convidados do G7 visitam memorial de vítimas da bomba atômica no Japão

    Participam da ação líderes da Austrália, de Comores, das Ilhas Cook, da Índia, Indonésia, Coreia do Sul e do Vietnã; foto oficial foi registrada na ocasião

    Pedro Jordãoda CNN

    São Paulo

    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e outros chefes de Estado convidados para a cúpula do G7 visitam o Parque Memorial da Paz de Hiroshima, no Japão, na manhã deste domingo, 21, pelo horário local – 12 horas na frente do horário de Brasília.

    O parque está localizado onde era um grande centro comercial que foi destruído pela bomba atômica durante a Segunda Guerra Mundial. O monumento fica a exatamente 150 metros do epicentro da explosão, em agosto de 1945.

    Além de Lula, participaram da visita os chefes de Estado da Austrália, de Comores, das Ilhas Cook, da Índia, Indonésia, Coreia do Sul e do Vietnã.

    Na manhã deste sábado [madrugada da sexta-feira no Brasil], líderes do G7 visitaram o mesmo local e participaram de uma homenagem às vítimas da bomba atômica.

    O G7 é formado pelas sete nações mais industrializadas do mundo: Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido.

    Neste domingo (21), último dia da cúpula do G7, Lula terá uma agenda cheia em Hiroshima. Já são seis reuniões marcadas, entre chefes de governo e empresários. A temática central do encontro será “Rumo a um mundo pacífico, estável e próspero”.

    A eventual reunião bilateral com o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, no entanto, ainda é uma dúvida.

    Agenda de Lula no domingo (21)

    • 2h30 – Encontro com o secretário-geral da ONU, António Guterres
    • 3h15 – Encontro com o primeiro-ministro do Vietnã, Pham Minh Chinh
    • 5h – Encontro com representantes dos conglomerados Mitsui, NEC, Nippon Steel e Toyota
    • 20h – Entrevista coletiva d antes do embarque de volta ao Brasil
    Tópicos

    Tópicos