Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Ministra da Alemanha pede “prudência” ao visitar Israel

    Annalena Baerbock esteve com o primeiro-ministro israelense, que defendeu que o país tomará suas próprias decisões

    Benjamin Netanyahu encontra a ministra das Relações Exteriores da Alemanha, Annalena Baerbock
    Benjamin Netanyahu encontra a ministra das Relações Exteriores da Alemanha, Annalena Baerbock 17/04/2024 GPO/REUTERS

    Chris Sternda CNN

    A ministra alemã das Relações Exteriores, Annalena Baerbock, ressaltou que é necessária “prudência” no Oriente Médio. Ela falou antes de deixar Israel para uma reunião de ministros do G7 na Itália.

    “Não só precisamos de esperança, mas precisamos que todos os envolvidos mostrem prudência e moderação agora”, disse ela no aeroporto de Ben Gurion, perto de Tel Aviv, nesta quarta-feira (17).

    “Senti aqui exatamente o que senti no último fim de semana em Berlim, onde nenhum de nós poderia dormir no sábado à noite. Ficou claro que esta região deseja paz.”

    A visita de Baerbock foi anunciada apenas nesta terça-feira (16). Foi sua sétima viagem para Israel desde 7 de outubro.

    Ela se reuniu com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, que agradeceu o apoio, mas afirmou que Israel tomará suas próprias decisões sobre o Irã e fará tudo o que for necessário para se defender.

    Baerbock disse que possíveis novas sanções contra o Irã seriam um ponto de discussão fundamental durante a reunião dos ministros das Relações Exteriores do G7 em Capri, na Itália, que começa nesta quarta-feira (17).

    “Em um momento como este, quando o Irã não está apenas atacando Israel sem precedentes, mas trouxe toda a região à beira de um conflito regional, todos estão juntos”, disse ela.