Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Netanyahu se reúne com governo de emergência de Israel e promete “destruir Hamas”

    Primeiro-ministro israelense encontrou com ministros e opositores neste domingo (15) e convocou um momento de silêncio aos mais de mil mortos nos ataques de 7 de outubro

    Dan Williamsda Reuters

    O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, reuniu-se com o governo de emergência pela primeira vez neste domingo (15), afirmando que a unidade nacional enviou uma mensagem no país e no exterior, enquanto o país se prepara para “destruir o Hamas” na Faixa de Gaza.

    A reunião, realizada no quartel-general militar em Tel Aviv, começou com os ministros realizando um momento de silêncio em memória aos 1,3 mil israelenses mortos pelos ataques terroristas do Hamas em 7 de outubro, conforme mostrou um vídeo divulgado pelo gabinete de Netanyahu.

    Dando as boas-vindas ao líder do Partido da Unidade Nacional, o opositor Benny Gantz, que se juntou ao governo com vários membros de seu partido na semana passada, Netanyahu disse que todos os ministros estavam “trabalhando 24 horas por dia, com uma frente unida”.

    “O Hamas pensou que seríamos destruídos. Seremos nós que destruiremos o Hamas”, afirmou o primeiro-ministro israelense, acrescentando que a demonstração de unidade “envia uma mensagem clara à nação, ao inimigo e ao mundo”.