Rainha Elizabeth II manda mensagem ao Brasil por tragédia em Petrópolis

Monarca britânica, que está com coronavírus, afirmou que "pensamentos e orações" estão com afetados pelas chuvas na região

Reuters

Ouvir notícia

A rainha Elizabeth II, do Reino Unido, enviou uma mensagem de condolências ao Brasil nesta segunda-feira (21) em uma de suas obrigações oficiais, apesar de ter testado positivo para a Covid-19.

Em mensagem enviada ao presidente Jair Bolsonaro (PL), a monarca se disse profundamente triste ao saber da destruição causada pelas enchentes na cidade de Petrópolis, que já causou mais de 175 mortes.

“Meus pensamentos e orações estão com todos aqueles que perderam suas vidas, entes queridos e lares, bem como os serviços de emergência e todos aqueles que trabalham para apoiar os esforços de recuperação”, disse sua mensagem.

O Palácio de Buckingham disse no domingo que Elizabeth, de 95 anos, estava com sintomas leves de resfriado, mas deveria continuar com compromissos leves, uma indicação de que a atual monarca mais velha e mais antiga do mundo não está seriamente doente.

A rainha, que foi totalmente vacinada contra o coronavírus, brincou há apenas quatro dias que não conseguia se mexer muito, e os temores sobre sua saúde aumentaram desde que ela passou uma noite no hospital em outubro passado por uma doença não especificada.

“Sei que toda a Câmara (dos Comuns) se juntará a mim para enviar nossos melhores votos a Sua Majestade a Rainha para uma recuperação completa e rápida”, disse o primeiro-ministro Boris Johnson ao Parlamento. “É um lembrete de que este vírus não desapareceu.”

A rainha deve falar com Johnson por telefone na quarta-feira (23) para sua atualização semanal regular, e planeja prosseguir com outras audiências diplomáticas virtuais agendadas com embaixadores estrangeiros, disse o palácio.

Mais Recentes da CNN