Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Rússia afirma ter capturado espião estrangeiro

    Comitê de Investigação afirma que homem francês colhia informações sobre militares russos

    Rússia afirma ter prendido espião estrangeiro
    Rússia afirma ter prendido espião estrangeiro Comitê Russo de Investigação

    Lucy PapachristouFilipp Lebedevda Reuters Moscou

    Investigadores russos afirmaram na quinta-feira (6) que detiveram um cidadão francês sob suspeita de recolher informações sobre as atividades dos militares russos.

    O Comitê de Investigação, que trata de crimes graves, disse que foi aberto um processo criminal contra o francês, cujo nome não foi identificado, por violar uma lei russa sobre “agentes estrangeiros”.

    O Comitê afirmou que ele violou uma seção do estatuto que pune aqueles que não se registram como “agentes estrangeiros” e estão envolvidos na “coleta direcionada de informações no campo das atividades militares (e) técnico-militares da Federação Russa”.

    “Tais informações, se obtidas por fontes estrangeiras, podem ser usadas contra a segurança do Estado”, disse o Comitê de Investigação.

    Acrescentou que o homem visitou repetidamente a Rússia durante vários anos e manteve reuniões com cidadãos russos.

    Um pequeno videoclipe divulgado pelo Comitê de Investigação mostrou um homem de jeans e camisa preta sendo detido em um restaurante por agentes de segurança com máscaras no rosto, escoltado até uma van e depois entrando em um prédio.