Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Rússia marca data de eleições para territórios recém-anexados em meio a guerra

    No entanto, as regiões de Donetsk, Luhansk, Zaporizhzhia e Kherson não são controladas inteiramente por Putin

    Socorristas trabalham em casa atingida por míssil, em Kramatorsk, Ucrânia
    Socorristas trabalham em casa atingida por míssil, em Kramatorsk, Ucrânia 14/06/2023Serviço de Imprensa do Serviço Estatal de Emergência da Ucrânia/Handout via REUTERS

    Da Reuters

    em Moscou

    A comissão eleitoral central da Rússia marcou nesta quinta-feira (15) a data para eleições regionais em quatro províncias ucranianas que Moscou afirma ter anexado para 10 de setembro, coincidindo com votações em outras regiões russas, informou a agência de notícias estatal RIA.

    Segundo a Tass, outra agência de notícias estatal, a chefe eleitoral Ella Pamfilova disse que o Ministério da Defesa da Rússia e o Serviço Federal de Segurança (FSB) consideraram possível realizar as votações em setembro.

    A Rússia não controla totalmente as regiões de Donetsk, Luhansk, Zaporizhzhia e Kherson, no leste e sul da Ucrânia, e os combates estão em andamento nas quatro regiões. Os locais têm programação para eleger governadores em setembro.

    A Rússia declarou as regiões parte de seu próprio território depois de conduzir às pressas o que chamou de referendos em áreas ocupadas da Ucrânia em setembro passado, que Kiev e o Ocidente denunciaram como ilegais e coercitivos.