Segundo dia da Cúpula do Clima terá foco em tecnologia e economia

Dia final do evento promovido pelo governo americano contará com chefes de estado, ambientalistas e empresários como Bill Gates

Gregory Prudenciano, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O segundo e último dia da Cúpula de Líderes sobre o Clima, nesta sexta-feira (23), terá foco maior em leituras econômicas e tecnológicas a respeito dos desafios globais que envolvem o meio ambiente.

Entre os principais expoentes estão o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, e o político americano John Kerry, que foi candidato à presidência pelo Partido Democrata em 2004 e hoje é o enviado especial para questões ambientais do governo Joe Biden. 

Empresários importantes também já têm presença confirmada, como Bill Gates, fundador da Microsoft, e Michael Bloomberg, ex-prefeito de Nova York e dono do serviço de informação financeira que leva seu nome. 

A primeira sessão, marcada para acontecer às 8 horas no horário de Washington (9 horas, em Brasília), tem como tema “Liberando a inovação climática”, e deve contar com a presença da secretária de Energia do governo Joe Biden, Jennifer Granholm, e com a secretária de Comércio dos Estados Unidos, Gina Raimondo, além de John Kerry. 

Nesta sessão, que vai debater o papel da inovação tecnológica e falar sobre a necessidade de aumentar investimentos públicos e privados para tornar a economia mais verde, deverão participar ainda os primeiros-ministros de Israel, Dinamarca, Quênia, Noruega, Singapura e Emirados Árabes.

A segunda sessão do dia e última sessão do evento, intitulada “As oportunidades econômicas da ação climática” está marcada para às 10h15, no horário de Brasília, e vai focar nos benefícios econômicos da preservação do meio ambiente e da descarbonização de longo prazo, além de debater a criação de empregos associados à agenda de transformação da economia para um modelo sustentável. 

Cúpula de Líderes sobre o Clima
Cúpula de Líderes sobre o Clima teve participação virtual do presidente brasileiro Jair Bolsonaro
Foto: Reprodução/CNN Brasil (22.abr.2021)

Neste encontro, devem estar presentes, por parte do governo dos Estados Unidos, o secretário do Transporte, Pete Buttigieg — que foi o primeiro pré-candidato abertamente gay a concorrer à Presidência dos EUA –, a representante comercial do país Katherine Tai, e a conselheira nacional do Clima, Gina McCarthy.

A sessão ainda deve contar com a participação dos presidentes da Nigéria, da Polônia, da Espanha e do Vietnã.

Palestras

Além das sessões virtuais, estão marcadas palestras de quatro pessoas de destaque no debate climático: 

  • Michael Bloomberg, que além de empresário e político também é enviado especial da Organização das Nações Unidas (ONU) para Soluções Climáticas;
  • Bill Gates, fundador e ex-CEO da Microsoft, atualmente copresidente da Fundação Bill e Melinda Gates e fundador da Breakthrough Energy;
  • Brenda Mallory, presidente do Conselho de Qualidade Ambiental da Casa Branca;
  • Peggy Shepard, diretora-executiva da ONG “WE ACT for Environmental Justice” e copresidente do Conselho Consultivo de Justiça Ambiental da Casa Branca
    Cúpula do Clima

Cúpula do Clima

A Cúpula de Líderes sobre o Clima é parte do compromisso de campanha de Joe Biden com a agenda ambiental. Durante a disputa eleitoral, o democrata se comprometeu a reunir líderes globais ainda em seus primeiros 100 dias no cargo para discutir ações de enfrentamento à crise mundial das mudanças climáticas. 

No primeiro dia de evento, o Brasil esteve representado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que discursou e reafirmou o compromisso do país de zerar o desmatamento ilegal até 2030. 

Também participaram do primeiro dia do evento os presidentes da China, Xi Jinping, e da Rússia, Vladimir Putin, além de outros chefes de estado. 

Mais Recentes da CNN