Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Tempestade Beryl segue para o Texas e pode recuperar a força do furacão

    Expectativa é de que Beryl chegue ao território dos EUA no fim da noite deste domingo

    Estragos do furacão Beryl no México
    Estragos do furacão Beryl no México Reuters

    Chizu Nomiyamada Reuters

    A tempestade tropical Beryl estava se dirigindo para noroeste sobre o Golfo do México neste domingo (7) e esperava-se que voltasse a se tornar um furacão de categoria 1 antes de atingir a costa do Texas no final da noite.

    O Centro Nacional de Furacões dos EUA emitiu alertas de furacão em grande parte da costa do Texas, e Corpus Christi fechou seu porto antes dos ventos fortes que deveriam atingir a área. Partes do leste do Texas estavam sob alerta de inundação antes da tempestade, que teve ventos máximos de 96 km/h na manhã deste domingo.

    No início desta semana, a tempestade, que a certa altura se intensificou para um furacão de categoria 5, deixou um rastro mortal de destruição em todo o Caribe. Varreu a Jamaica, Granada, São Vicente e Granadinas, além de desencadear fortes chuvas no norte da Venezuela.

    Até agora, 11 pessoas morreram. Edifícios foram derrubados e a infraestrutura de energia, danificada.

    Beryl atingiu a costa pela última vez na sexta-feira, cruzando a Península de Yucatán, no México, e causando cortes de energia em algumas áreas. No entanto, poupou em grande parte os principais destinos de praia e não causou vítimas. O vídeo mostrou o aeroporto internacional de Cancún lotado de turistas no sábado (6), enquanto eles remarcavam seus voos para casa após a tempestade.

    Com a tempestade se aproximando do Texas, o Serviço Meteorológico Nacional alertou sobre tempestades que causam inundações costeiras e correntes de retorno.