Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Violência no Equador: 11 reféns são soltos em prisões

    Agentes penitenciários estavam sob domínio de detentos em Esmeraldas

    Reféns são soltos em presídios no Equador
    Reféns são soltos em presídios no Equador REUTERS

    Reuters

    Onze membros da equipe penitenciária que foram feitos reféns por detentos na prisão de Esmeraldas, no Equador, foram libertados neste sábado (13), informou a polícia.

    Eles estavam entre 158 guardas e 20 funcionários administrativos feitos reféns desde segunda-feira em pelo menos sete prisões em meio a um forte aumento da violência no país.

    Oito outros funcionários da prisão foram libertados anteriormente, disseram autoridades.

    A agência de prisões do SNAI disse em um comunicado no sábado que houve incidentes em várias prisões, sem dar mais detalhes.

    O Equador está enfrentando uma crise de segurança que piorou nesta semana com o ataque a uma estação de TV, a tomada de reféns de dezenas de funcionários da prisão por detentos e o sequestro de policiais.

    A polícia e as forças armadas realizam operações em todo o país. Mais de 800 pessoas foram presas desde que um estado de emergência começou na segunda-feira.

    Grupos armados parecem estar reagindo aos planos do presidente Daniel Noboa para enfrentar a terrível situação de segurança, de acordo com o governo.

    (Reportagem de Alexandra Valencia, escrita por Cassandra Garrison; Edição de Alistair Bell e Will Dunham)