Vulcão na Indonésia continua ativo e número de mortos sobe para 34

Monte Semeru entrou em erupção pela primeira vez no sábado; milhares de pessoas foram deslocadas

Equipes de resgate carregam vítima de erupção do Semeru, na Indonésia
Equipes de resgate carregam vítima de erupção do Semeru, na Indonésia 06/12/2021Antara Foto/Zabur Karuru/via REUTERS

Willy KurniawanTommy Adriansyahda Reuters

Ouvir notícia

Um vulcão na Indonésia voltou a ficar ativo nesta terça-feira (7), expelindo nuvens de cinza quente três dias depois de uma poderosa erupção que deixou mortos e desaparecidos.

O Monte Semeru, a montanha mais alta da ilha de Java, entrou em erupção no sábado (4), lançando uma coluna de cinzas no céu que cobriu as aldeias vizinhas.

O número de mortos aumentou para 34, enquanto 22 estão desaparecidos, segundo a Agência de Mitigação de Desastres da Indonésia.

O Semeru entrou em erupção três vezes nesta terça-feira, e é um dos mais de 100 vulcões ativos na Indonésia, em uma área de alta atividade sísmica no topo de várias placas tectônicas conhecidas como o “Círculo de Fogo do Pacífico”.

O Centro de Vulcanologia e Mitigação de Riscos Geológicos da Indonésia, por meio de sua conta no Twitter, alerta sobre a continuidade da atividade sísmica.

“Semeru é um dos vulcões mais ativos da Indonésia”, disse um representante do Observatório do Vulcão Semeru à Reteurs. “Ele continuará ativo”, completou.

Alguns moradores voltaram para suas casas para verificar seus pertences e cabeças de gado, mas a recomendação do observatório é que as pessoas mantenham uma distância segura do vulcão.

Mais Recentes da CNN