Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Zelensky diz que aprovação da ajuda à Ucrânia reforça papel dos EUA como “farol da democracia”

    Amplo pacote de ajuda externa aprovado pelo Senado fornece US$ 61 bi para a Ucrânia; US$ 26 bi para Israel e ajuda humanitária para civis em zonas de conflito em todo o mundo; e US$ 8,12 bi para o Indo-Pacífico

    O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, e o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden
    O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, e o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden Assessoria de Imprensa da Presidência da Ucrânia / Divulgação via REUTERS

    Da Reuters

    O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse nesta quarta-feira (24) que a aprovação pelo Senado americano de um pacote de ajuda multibilionário para a Ucrânia reforça o papel dos EUA como um “farol da democracia”.

    “Sou grato ao Senado dos EUA pela aprovação da ajuda vital à Ucrânia”, disse Zelensky em comunicado no aplicativo de mensagens Telegram.

    “Esta votação reforça o papel da América como farol da democracia e líder do mundo livre.”

    Um amplo pacote de ajuda externa foi aprovado pelo Senado dos EUA na noite desta terça-feira (23), após meses de atraso, abrindo caminho para novos financiamentos à Ucrânia, que sofre com avanços do Exército russo e escassez de suprimentos militares em Kiev.

    A medida teve 79 votos a favor e 18 contrários e reúne quatro projetos de lei aprovados pela Câmara dos Deputados no sábado (20), depois que os líderes republicanos da Câmara permitiram a votação dos US$ 95 bilhões (R$ 487 bilhões) em ajuda principalmente militar para Ucrânia, Israel e Taiwan e parceiros dos EUA no Indo-Pacífico.

    (Com informações de Lidia Kelly, em Lisboa, e de Patricia Zengerle e Richard Cowan)