Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Zelensky pede a países aliados que aumentem as sanções contra a Rússia

    Presidente ucraniano conversou com líderes da comunidade internacional nesta segunda-feira

    Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky
    Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky Ukrainian Presidency/Handout/Anadolu Agency via Getty Images

    Da CNN

    O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse que conversou com líderes de países parceiros nesta segunda-feira (28) e que pediu a eles que aumentem a pressão sancionatória sobre a Rússia.

    Zelensky, durante seu briefing diário na segunda-feira, disse que conversou com o primeiro-ministro do Reino Unido, o primeiro-ministro do Canadá, o chanceler da Alemanha, o primeiro-ministro da Itália e o presidente do Azerbaijão.

    “Concordamos com a Grã-Bretanha em apoiar ainda mais nossa defesa e fortalecer as sanções contra a Federação Russa. O Canadá também apoia uma resposta mais dura do mundo à catástrofe criada pelas tropas russas nas cidades ucranianas”, disse.

    “Em uma conversa com o chanceler alemão (Olaf) Scholz, também prestei atenção considerável à necessidade de aumentar a pressão sancionatória sobre a Rússia”, acrescentou Zelensky.

    Zelensky também disse: “A Itália concordou em se tornar um dos garantidores da segurança da Ucrânia no novo sistema de garantias relevante que estamos elaborando.

    O líder ucraniano disse que agradeceu ao presidente do Azerbaijão pelo apoio humanitário prestado à Ucrânia e os informou sobre a situação nos territórios onde as tropas russas entraram.

    Zelensky disse que continuará conversando com os líderes e trabalhando também com organizações internacionais.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original