Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    WAF Awards 2022 premia o melhor da arquitetura mundial

    Vindo de mais de 50 países, os finalistas serão julgados em categorias que abrangem arquitetura residencial, comercial e cívica

    Oscar Hollandda CNN

    Uma ponte de madeira na China, uma instalação de armazenamento de arte na Holanda e um centro de meditação budista na Tailândia estão entre os mais de 250 edifícios selecionados para o prêmio anual do World Architecture Festival (WAF).

    Vindo de mais de 50 países, os finalistas serão julgados em categorias que abrangem arquitetura residencial, comercial e cívica, antes de disputar o prestigioso título de World Building of the Year (Edifício Mundial do Ano, em tradução livre).

    A China foi responsável por mais projetos pré-selecionados do que qualquer outro país, embora os organizadores tenham notado um aumento acentuado nas inscrições da Índia e da Turquia.

    Algumas das estruturas de destaque na lista deste ano incluem o novo SoFi Stadium de Los Angeles e o famoso local de música Koko, que passou por uma reforma de US$ 100 milhões após um incêndio.

     

    Os prêmios serão julgados ao vivo durante o WAF, que acontece de 30 de novembro a 2 de dezembro em Lisboa, Portugal, e já está em sua 15ª edição. Outros prêmios serão dados para arquitetura paisagística e projetos futuros propostos, enquanto os melhores projetos de interiores do mundo serão nomeados no evento irmão do festival, o Inside World Festival of Interiors.

    Em 2021, o World Building of the Year foi para a Amager Bakke, em Copenhague, uma usina de transformação de resíduos em energia com um telhado que funciona como uma pista de esqui durante o inverno. Os vencedores anteriores incluíram o Museu Nacional de Artes do Século XXI, projetado por Zaha Hadid, em Roma, e os conservatórios refrigerados nos Jardins da Baía de Cingapura.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original