Governo libera R$ 3,8 milhões para combater queimadas no Mato Grosso do Sul


Da CNN
15 de setembro de 2020 às 14:19

O governo federal vai anunciar R$ 3,8 milhões ao Mato Grosso do Sul para o combate às queimadas no Pantanal. A informação foi divulgada pelo ministro do Ministério do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, à colunista Renata Agostini, da CNN, nesta terça-feira (15).

Marinho está caminho do Mato Grosso do Sul, que decretou estado de emergência ambiental nessa segunda-feira (14). O recurso é a primeira parte do plano de trabalho de combate às queimadas.

A expectativa é que também haja um anúncio específico para o Mato Grosso, que também foi afetado pelas queimadas. 

Leia e assista também:

Com queimadas, Mato Grosso do Sul decreta estado de emergência ambiental
Chuva escura chama atenção no RS; queimada no Pantanal pode ter causado fenômeno
Queimadas no Pantanal: 5 respostas para as perguntas mais comuns

Bombeiros trabalham contra incêndios no Pantanal do Mato Grosso do Sul

Bombeiros trabalham contra incêndios no Pantanal do Mato Grosso do Sul

Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros do Mato Grosso do Sul

Marinho já havia confirmado a ajuda do governo federal ao combate de focos de incêndio na região do Pantanal, em post nas redes sociais, no último sábado (12). 

Na publicação em edição extra do Diário Oficial do Estado, o decreto do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) leva em consideração que o fogo já atingiu todos os setenta e nove municípios do estado, assim como o aumento de atendimentos nos postos de saúde em decorrência de problemas respiratórios, e que a área atingida já ultrapassa de 1.450.000 hectares.

Segundo a plataforma de monitoramento de focos de incêndio do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o Mato Grosso do Sul já acumula 7.493 pontos de queimadas em 2020, até o dia 13 de setembro.

(Edição: Leonardo Lellis)