'Não investimos no principal, que são as pessoas', diz Priscila Cruz


Da CNN
30 de outubro de 2020 às 22:26

 

O CNN Nosso Mundo desta sexta-feira (30) entrevistou Priscila Cruz, referência da educação no Brasil. Ela falou sobre os desafios da área durante e após a pandemia da Covid-19 e também sobre a importância da formação acadêmica para o progresso social e econômico.

A especialista destaca algumas das dificuldades do país em relação à educação, como a evasão escolar e a falta de acesso à escolas de qualidade. "55% das crianças de 8 e 9 anos não são alfabetizadas", explicou.

Cruz ressalta também a importância da capacitação de profissionais para oferecer uma educação melhor. "A educação de excelência começa pelo professor", afirma. "Saber ensinar é uma ciência a ser levada a sério".

A educadora lembra como a educação pode ser um caminho para acessar melhores oportunidades. "A escola é o lugar de luz de todas as comunidades", disse. "28% dos estudantes não querem voltar ao Ensino Médio em 2021".

Leia também:
'Não estamos sendo educados para a tolerância', diz Clóvis de Barros Filho
'Lugar de mulher é onde ela quiser', diz Helena Rizzo
'O ser humano precisa criar respostas solidárias', afirma Christian Dunker

A pesquisadora reafirma que o investimento em educação é um ponto crucial no desenvolvimento nacional. "Não investimos no principal, que são as pessoas", destacou. "A educação de todos é a que faz a diferença".

Priscila Cruz é presidente e cofundadora do Todos Pela Educação. É mestre em Administração Pública pela Harvard Kennedy School of Government, graduada em administração de empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP) e em Direito pela Universidade de São Paulo (USP). Ela também é parte do Instituto de Estudos Avançados da Unicamp.

Ela foi entrevistada por Elisa Veeck, Luciana Barreto e Lia Bock, e quem comanda a atração é Luciana Barreto.

A CNN está no canal 577 nas operadoras Claro/Net, Sky e Vivo. Para outras operadoras, veja aqui como assistir à CNN. O programa também pode ser assistido ao vivo no site da CNN Brasil.