Quebras de sigilo na CPI, condenação da Vale e mais de 10 de junho

5 Fatos Tarde, apresentado por Roberta Russo, traz as principais notícias do Brasil e do mundo

Da CNN, em São Paulo
10 de junho de 2021 às 12:58

A aprovação de quebras de sigilo e convocações para novos depoimentos na CPI da Pandemia, a condenação da Vale a indenizar em R$ 1 milhão família de cada trabalhador morto em Brumadinho e doação de vacinas pelos Estados Unidos estão entre os destaques do 5 Fatos Tarde desta quinta-feira, 10 de junho de 2021.

CPI da Pandemia

A CPI da Pandemia no Senado discutiu hoje novas convocações e quebras de sigilo de oito investigados, empresas e entidades patrocinadas por laboratórios que produzem medicamentos que não tem eficácia comprovada contra Covid-19. A princípio, a pauta principal seria o depoimento do governador do Amazonas, Wilson Lima. No entanto, a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Rosa Weber concedeu a ele o direito de não comparecer à sessão.

Efeito cascata

A decisão da ministra do STF que permitiu ao governador do Amazonas não comparecer à CPI pode criar um efeito cascata. A avaliação é feita tanto por senadores da base governista como do G7, grupo de parlamentares oposicionistas e independentes. A informação é do analista da CNN Gustavo Uribe.

Origem da pandemia 

Os líderes da União Europeia e pediram nesta quinta-feira uma investigação irrestrita sobre as origens da pandemia Covid-19, em meio a críticas sobre a apuração inicial feita pela Organização Mundial de Saúde (OMS). O chefe do Conselho Europeu, Charles Michel, afirmou que: “O mundo tem o direito de saber exatamente o que aconteceu para poder aprender as lições”. 

Indenização por Brumadinho

A Justiça do Trabalho condenou a mineradora Vale a pagar indenização de R$ 1 milhão por danos morais às famílias de cada trabalhador que morreu no rompimento da Barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte. O desastre aconteceu no dia 25 de janeiro de 2019 e matou 270 pessoas.

Doação dos EUA

Os Estados Unidos doarão 500 milhões de doses da vacina da Pfizer contra a Covid-19 aos 100 países mais pobres do mundo. O anúncio oficial foi feito por um funcionário do governo de Joe Biden nesta quinta-feira.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

CPI da Pandemia aprovou 23 pedidos de quebra de sigilo
CPI da Pandemia aprovou 23 pedidos de quebra de sigilo telefônico e telemático
Foto: Edilson Rodrigues - 10.jun.2021/Agência Senado