Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Um mês em 24 horas: chuva histórica atinge Florianópolis

    Prefeitura da cidade decretou situação de emergência

    Foram registrados vários pontos de alagamento em Florianópolis na noite desta terça (28).
    Foram registrados vários pontos de alagamento em Florianópolis na noite desta terça (28). Reprodução Instagram/Informe Floripa

    Talita Rosacolaboração para a CNN

    A chuva persistente em Florianópolis, no estado de Santa Catarina, acumulou em 24 horas o volume considerado normal para todo o mês de novembro. A prefeitura da capital catarinense decretou situação de emergência nesta quarta-feira (29), após a cidade ultrapassar a média histórica de chuva para o período, com 185 milímetros acumulados entre às 6h de ontem (28) e de hoje.

    O acumulado de chuvas registradas na cidade em todo o mês de novembro já está em 448 milímetros, mais que o triplo da média histórica, que é de 129 milímetros. As equipes da Prefeitura seguem monitorando as condições climatológicas e afirmam que a tendência é de melhora.

    Ruas, avenidas e rodovias do perímetro urbano ficaram alagadas e em alguns pontos pareciam rios. A SC-405, principal acesso ao sul da Ilha, segue bloqueada e a Base Aérea Militar foi aberta para permitir o trânsito na região.

    Nesta quarta, a chuva diminuiu, mas em alguns pontos nas regiões da Grande Florianópolis e do Litoral Sul a água não baixou. A Defesa Civil de Santa Catarina informou o fechamento das comportas das barragens Oeste e Sul para conter inundações devido ao alto nível da bacia do Rio Itajaí. O pico de 8,3 metros durante a madrugada provocou a sétima enchente do ano em Rio do Sul, onde três abrigos permanecem abertos para acolher famílias desalojadas nas últimas semanas.

    A Universidade Federal de Santa Catarina (SC) suspendeu as aulas no campus de Florianópolis, onde circulam cerca de 30 mil pessoas por dia.

    Apesar do sistema de baixa pressão estar se deslocando para o oceano, a Defesa Civil emitiu um alerta para riscos muito alto e alto de deslizamentos nos municípios do Litoral. Na terça, ocorrências de deslizamento foram registradas em Itajaí, sem vítimas.

    A orientação do órgão de proteção civil é para que moradores das áreas de encostas fiquem atentos aos sinais de deslizamentos e busquem lugar seguro. O número de telefone para emergências é o 199.