Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Chuvas no RS: Cemaden alerta que enchentes podem piorar

    Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais prevê que o rompimento da barragem em 14 de Julho pode intensificar ainda mais os níveis dos rios

    Da CNN

    O Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) emitiu um alerta sobre a possibilidade de agravamento da situação de enchentes no Rio Grande do Sul.

    Segundo Jorge Barbarotto, hidrólogo do Cemaden, o rompimento da barragem em 14 de Julho pode resultar em uma nova onda de escoamento, elevando ainda mais os níveis dos rios já afetados pelas fortes chuvas.

    Barbarotto explicou que, embora a barragem seja menor que grandes reservatórios como Itaipu, a liberação da água represada tende a intensificar os níveis de inundação em municípios próximos, como Santa Bárbara, Santa Tereza, Muçum e Encantado.

    Situação crítica em municípios atingidos

    Vários municípios monitorados pelo Cemaden já haviam recebido alertas de inundação antes mesmo do rompimento da barragem. Com os níveis dos rios excedendo os limites máximos, a expectativa é de um agravamento adicional da situação. O hidrólogo ressaltou que o processo em curso no Rio Grande do Sul é classificado como inundações, e não enxurradas, embora a magnitude do evento seja extremamente grave e sem precedentes no estado.

    Monitoramento contínuo

    Enquanto os alertas máximos já foram emitidos pelo Cemaden, a equipe continua monitorando a evolução da situação e repassando informações atualizadas por meio da imprensa. O objetivo é manter a população informada sobre os possíveis impactos e orientar as ações de resposta aos desastres naturais.