Crise no Acre após enchentes, ações da Petrobras e mais de 22 de fevereiro

Assista ao 5 Fatos Manhã apresentado pela âncora da CNN Muriel Porfiro

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Uma notícia-crime feita pelo PDT (Partido Democrático Trabalhista) contra o presidente Jair Bolsonaro por indicar o uso de cloroquina à pacientes de Covid-19 foi encaminhada pelo STF para a PGR (Procuradoria Geral da República), a crise no Acre após as enchentes e a recomendação sobre as ações da Petrobras são os destaques da manhã desta segunda-feira, 22 de fevereiro.

Bolsonaro

Uma notícia-crime feita pelo PDT contra o presidente Jair Bolsonaro foi encaminhada pela ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber, à Procuradoria-Geral da República. A peça diz que, ao promover o uso da cloroquina, Bolsonaro teria cometido em tese três crimes diferentes: colocar a vida ou saúde alheia em risco, direcionar recursos públicos para aplicações diferentes das previstas em lei e, por último, dispensar licitação fora das hipóteses previstas em lei.

Vacinas contra Covid-19

O Brasil cogita fechar nos próximos dias acordo para a utilização de mais duas vacinas contra a Covid-19 no Brasil: a russa Sputnik V e a Covaxin, desenvolvida na Índia. Na sexta-feira, o governo publicou uma edição extra do Diário Oficial da União com dois extratos de dispensa de licitação para a compra das vacinas. Além do acerto financeiro, os imunizantes dependerão ainda da aprovação da Anvisa.

Vacinação

A epidemiologista e ex-coordenadora do Plano Nacional de Imunização (PNI) Carla Domingues disse que o Brasil só terá resultados positivos como os de Israel e Reino Unido se vacinar todos os idosos. Nos dois países, houve queda brusca no número de assintomáticos após o início da imunização.

Situação no Acre

O Acre vem sofrendo com recorde de enchentes, pandemia de Covid-19 e surto de dengue. Em entrevista à CNN, o governador Gladson Cameli disse que a crise no estado é como se fosse uma “terceira guerra mundial”. Em plena pandemia, mais de 120 mil pessoas foram afetadas pelas inundações em 10 cidades, inclusive a capital Rio Branco.

Petrobras

Dois dias depois de o governo indicar o general Joaquim Silva e Luna para presidência da Petrobras, a XP Investimentos rebaixou a recomendação para as ações da estatal de “neutra” para “venda”. Em relatório, a XP diz que a mudança reflete a troca do presidente da companhia, vista como uma sinalização negativa.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

(Publicado por: André Rigue)

 

Mais Recentes da CNN