Escolas de samba do RJ afirmam que haverá desfile no Carnaval de 2022

Liga Independente das Escolas de Samba confirma assinatura de acordo para evento com a Prefeitura

Adriana Freitas e Lucas Janone, da CNN, no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

 A Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa) confirmou à CNN, nesta quinta-feira (8), a realização dos desfiles das escolas de samba de 2022 na capital fluminense. As agremiações do Grupo Especial do carnaval carioca desfilarão nos dias 25 e 26 fevereiro e as vencedoras retornam no 5 de março (no Desfile das Campeãs).  

De acordo com o presidente da Liesa, Jorge Perlingeiro, o contrato assinado nesta quinta-feira (8) garante a realização do Carnaval no Rio de Janeiro dos próximos quatro anos – 2022, 2023, 2024 e 2025.

A Prefeitura do Rio de Janeiro também confirmou a realização do Carnaval em 2022 na Marquês de Sapucaí. De acordo com a prefeitura, a Liesa assume o controle do Sambódromo de 1º de dezembro de 2021 até o dia 31 de março de 2022, período em que acontecem os desfiles das escolas de samba. 

“Caberá à Liesa a preparação, realização, organização e direção do desfile na Sapucaí. E à Riotur caberá, como sempre, a administração, o apoio e a promoção do Carnaval”, diz um trecho do comunicado municipal, emitido pela Riotur.

Nesta quarta-feira (7), o prefeito Eduardo Paes disse que já considera também realizar a festa de Réveillon em Copacabana, Zona Sul da capital.  

Perlingeiro ressaltou também à CNN que os desfiles do ano que vem vão ter “casa cheia”, caso o calendário vacinação contra o novo coronavírus seja cumprido pelo município.  No site da Liesa, ainda aparece em destaque que “a vacinação da população contra a Covid-19 será fundamental para a realização do espetáculo nestas datas (27, 28 de fevereiro e 5 de março de 2022).”

“As coisas estão caminhando para isso. Estamos vendo a vacinação em massa contra a Covid-19. O desfile vai ter casa cheia, público total. Tomamos essa decisão baseados na imunização das pessoas. A ideia é essa”, pontuou o presidente da Liesa. De acordo com a secretaria municipal de Saúde, 3.240.619 de pessoas foram imunizadas com a primeira dose, 115.472 com dose única – somados representam quase 50% da população. Já com a segunda dose, foram 1.083.901 vacinados (ou 17,8%).  

Foto mostra o desfile da Viradouro do Carnaval 2020 no Rio de Janeiro
Desfile da Viradouro em 2020, quando a escola foi campeã do Carnaval do Rio de Janeiro
Foto: Agência Brasil (06.jan.2020)

Uma reunião deve acontecer, nos próximos dias, para selar os últimos detalhes sobre o Carnaval de 2022. Entre os pontos em aberto ainda está o planejamento dos repasses feitos pela prefeitura. Segundo Perlingeiro, as escolas de samba devem receber as verbas mensalmente.   

O preço dos ingressos ao público só deve ser divulgado no próximo mês pelos órgãos competentes.

Mais Recentes da CNN