Estado de São Paulo registra estabilidade na taxa de ocupação de leitos de UTI

São Paulo e a região metropolitana da capital ainda têm taxa de ocupação de leitos de UTI acima de 90% com 29 mil pessoas internadas

Manuella Niclewicz, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Após o mega feriado de 10 dias, o estado de São Paulo registrou estabilidade no crescimento da taxa de ocupação de leitos de UTI e o governo já estuda mudar a classificação de algumas regiões no Plano São Paulo na revisão que será feita nesta sexta-feira (9).

Segundo autoridades do governo estadual, a estabilidade é resultado dos primeiros 15 dias da fase emergencial, programada para ir até o dia 11 de abril. Com a tendência de melhora, é possível que algumas partes do estados tenha liberações após o período mais restrito da Plano São Paulo.

Apesar do número animador, São Paulo e a região metropolitana da capital ainda têm taxa de ocupação de leitos de UTI acima de 90% com 29 mil pessoas internadas no estado, mantendo o estado em situação crítica.

UTI Covid-19
Estrutura de hospitais com leitos de UTI e enfermaria para o tratamento da Covid-19
Foto: CNN Brasil

 

Mais Recentes da CNN