Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Frente fria atinge estados do Sul e Sudeste ao longo dos próximos dias

    Temperaturas devem cair menos que no começo de novembro, mas essas regiões serão atingidas por chuvas

    Pedestres enfrentaram o frio em São Paulo
    Pedestres enfrentaram o frio em São Paulo ESTADÃO CONTEÚDO

    Ricardo Gouveiada CNN

    em São Paulo

    As cidades paulistas serão as que vão registrar maior nível de chuva por causa da frente fria que chega pelo Sul do país entre esta segunda (14) e terça-feira (15).

    Os temporais ocorrem também no Mato Grosso do Sul. “O avanço dessa frente fria deve causar chuva com trovoadas, ventos moderados e até granizo”, detalhou a meteorologista da Climatempo Maria Clara Sassaki à CNN Rádio.

    “Pode haver temporais em todo o estado de São Paulo, mas os maiores volumes acontecem na capital, região metropolitana, áreas litorâneas, Vale do Paraíba e Vale do Ribeira”, acrescentou.

    Maria Clara Sassaki ressaltou que o frio vai ser menos intenso do que o do começo do mês de novembro nessas regiões. A frente fria perde força ao chegar a Minas Gerais e Rio de Janeiro, mas continua provocando muitas chuvas.

    “Ela vai ficar estacionada na altura de Minas Gerais, formando um corredor de umidade que vai desde o Espírito Santo até a região Norte do Brasil, onde provoca chuvas significativas durante cinco dias seguidos”, explica Sassaki.

    A meteorologista alertou para a possibilidade de solo encharcado e deslizamentos.

    “Espírito Santo, leste de Minas Gerais, Vale do Jequitinhonha e norte fluminense têm alto risco de transtornos por causa da grande quantidade de água prevista para essa semana”, informou.

    Esse corredor de umidade não chega até o Nordeste, que deve continuar com temperaturas em torno dos 30°C neste feriado. A região litorânea do Nordeste deve ter apenas as pancadas de chuva no fim da tarde.