Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Grupo que furta celulares em eventos é alvo de operação em dois estados e no DF

    São 52 mandados sendo cumpridos por 300 policiais

    Grupo que furta celulares em eventos é alvo de operação em três estados
    Grupo que furta celulares em eventos é alvo de operação em três estados Divulgação/ PCDF

    Elijonas Maiada CNN

    A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) deflagrou na madrugada desta segunda-feira (22) uma grande operação contra um grupo especializado em furto de celulares em grandes eventos.

    São cumpridos 52 mandados judiciais no Distrito Federal, em São Paulo e Goiás.

    A investigação é da Divisão de Repressão a Roubos e Furtos, que identificou que a organização criminosa se subdividia em seis núcleos, sendo eles o núcleo dos organizadores dos crimes, núcleo dos responsáveis pela prática dos furtos, núcleo responsável pela guarda dos aparelhos subtraídos, núcleo responsável pelo desbloqueio dos aparelhos subtraídos, núcleo responsável por receptar os aparelhos que já foram subtraídos pela organização e, finalmente, um núcleo responsável pela logística financeira da organização.

    A investigação começou em abril de 2023, quando cinco pessoas foram presas em flagrante em razão de terem sido flagrados subtraindo aparelhos celulares no interior de um evento de uma atração internacional.

    Estes indivíduos já foram condenados pelos crimes nos quais foram autuados. A operação conta com um efetivo de aproximadamente 300 policiais civis.

    Ao todo, 32 alvos identificados são investigados pela prática dos crimes e com exceção de um dos identificados, todos possuem anotações criminais pela prática de crimes contra o patrimônio, sendo que alguns possuem registros pela prática dos crimes de roubo, furto, furto mediante fraude, estelionato e receptação.