Laudos periciais do acidente com Marília devem ficar prontos na próxima semana

Polícia também apura se cabo encontrado em hélice do avião usado pela cantora e as outras quatro vítimas do acidente aéreo seria o mesmo que rompeu em torre de distribuição de energia

Cleber Rodriguesda CNN

No Rio de Janeiro

Ouvir notícia

Os laudos periciais que vão indicar a causa da morte da cantora Marília Mendonça e das outras quatro vítimas do acidente aéreo ocorrido no interior de Minas Gerais na última sexta-feira (5) devem ficar prontos até o fim da próxima semana, segundo informações da Polícia Civil mineira.

O delegado Ivan Lopes, responsável pelo caso, também disse que a polícia apura se o cabo encontrado enrolado na hélice do motor seria o mesmo que rompeu na torre de distribuição de energia.

A investigação do acidente aéreo tem duas etapas: a primeira, feita pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), no Rio de Janeiro; e a outra, feita pela Polícia Civil em Minas Gerais.

No Rio de Janeiro, o Cenipa faz uma perícia na fuselagem e nas asas do avião bimotor. O trabalho começou nesta quarta-feira (10), depois da chegada dos destroços na capital fluminense.

Inicialmente, os dois motores do avião seriam levados de Minas Gerais a Goiânia, mas houve uma mudança na logística e, agora, as peças serão levadas a Brasília, onde também serão periciadas por uma equipe do Cenipa.

(Publicado por Daniel Fernandes)

Mais Recentes da CNN