Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Medicamentos para Yanomamis são encontrados vencidos em casa abandonada em RR

    Ministério da Saúde repudiou o descarte dos medicamentos

    Luan Leãoda CNN

    A Polícia Civil de Roraima localizou nesta quarta-feira (31) uma casa abandonada na capital Boa Vista, em Roraima, com diversos remédios vencidos que seriam destinados à população indígena Yanomami.

    O caso foi encaminhado à Polícia Federal.

    De acordo com a polícia, uma investigação da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) e do Departamento de Narcóticos (DENARC) que tinha como foco denúncias de crimes de tráfico de drogas no bairro São Francisco, levou ao encontro da casa abandonada onde estavam os remédios.

    “Os policiais da DRE ao se depararem com esses medicamentos acionaram a equipe da DRCAP. Nas buscas no local, constatamos que os medicamentos eram destinados ao DSEI Yanomami. Eram muitas caixas, com diversos medicamentos, muitos vencidos desde 2021. Desta forma, entendemos que não era competência da Polícia Civil e acionamos a Polícia Federal”, disse a delegada Magnólia Soares, titular da Delegacia de Repressão aos Crimes contra a Administração Pública (DRCAP).

    Em nota, o Ministério da Saúde, por meio da Secretaria de Saúde Indígena (SESAI), repudiou o descarte dos medicamentos. De acordo com a pasta, os remédios “deveriam ser destinados aos indígenas yanomamis e vencidos durante a gestão passada”, em referência ao governo de Jair Bolsonaro (PL).

    O Ministério afirmou que irá colaborar com as investigações, fornecendo todas as informações necessárias. A nota ainda destaca que o ministério trabalha “no fortalecimento de medidas e ações para a reestruturação dos Distrito Sanitários Indígenas” para retomar a assistência aos yanomamis, após “anos de abandono e desmonte da saúde indígena”.