“Não é hora de tirar nosso escudo”, diz Rosana Richtmann sobre máscaras

Programa desta semana fala sobre a flexibilização as medidas de isolamento no Brasil e a terceira dose da vacina

Da CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

O CNN Nosso Mundo dessa sexta-feira (15) recebeu a  médica infectologista Rosana Richtmann. Ela participou de uma edição especial sobre a situação da Covid-19 no Brasil.

O programa também falou sobre flexibilização das medidas preventivas contra o coronavírus, no momento em que as cidades brasileiras anunciam medidas de abertura. Segundo a especialista, por mais que o Brasil esteja mostrando melhoras na pandemia, ainda não é hora de medidas como a desobrigação de máscaras.

Ainda não é hora de tirar nosso escudo respiratório

Rosana Richtmann, infectologista

Sobre a terceira dose, a campanha do Ministério da Saúde contempla, por exemplo, profissionais de saúde e idosos que receberam a segunda dose há pelo menos seis meses. Imunossuprimidos, como transplantados, pacientes com câncer ou condições que comprometem o sistema imunológico, que foram vacinados há 28 dias também serão vacinados novamente.

A medida é criticada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que recomenda terceira dose apenas para pessoas imunossuprimidas e idosos.

Segundo o diretor-geral da entidade, Tedros Adhanom Ghebreyesus, é “imoral” diversos países acumulares imunizantes para uma terceira dose enquanto parte do continente africano ainda não recebeu vacinas.

A infectologista concorda com essa avaliação, até pelo fato de que uma região do planeta não ter proteção contra a pandemia aumenta o risco de variantes da Covid-19 resistentes contra as vacinas atuais.

Se não tivermos equidade de vacinação no globo, ninguém está tranquilo

Rosana Richtmann, infectologista

Rosana Richtmann é infectologista e diretora do Comitê de Imunizações da Sociedade Brasileira de Infectologia.
Doutorado na Universidade de Freiburg (Alemanha), médica infectologista do Instituto de Infectologia Emílio Ribas.

Ela é entrevistada por Lia Bock, Thaís Herédia e Rita Wu, e quem comanda a atração é Luciana Barreto. O CNN Nosso Mundo é exibido às sextas-feiras, a partir das 22h30.

A CNN está no canal 577 nas operadoras Claro/Net, Sky e Vivo. Para outras operadoras, veja aqui como assistir à CNN. O programa também pode ser assistido ao vivo no site da CNN Brasil.

(Publicado por Evandro Furoni)

 

Mais Recentes da CNN