Navio de cruzeiro atraca na Bahia com 68 casos positivos após surto de Covid-19

Costa Diadema chegou ao Porto de Salvador na manhã desta quinta-feira; está proibido embarque e desembarque até que investigação seja concluída

Fabrício Juliãoda CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

O navio de cruzeiro Costa Diadema atracou na manhã desta quinta-feira (30) no Porto de Salvador, após relatar 68 casos positivos de Covid-19 nas últimas 24 horas.

A Anvisa informou que está monitorando a situação do navio, e não autorizou a embarcação na capital baiana. Portanto, está proibido o embarque e desembarque de viajantes até que seja finalizada a investigação que está em andamento.

O Costa Diadema leva 3.836 viajantes. Entre o total que testou positivo para Covid-19, 56 são tripulantes e 12 passageiros.

A embarcação partiu do Porto de Santos, no dia 20 de dezembro, e teria como último destino a cidade de Ilhéus, na Bahia.

Além do Costa Diadema, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária está monitorando o navio de cruzeiro MSC Splendida, que atracou no Porto de Santos após um surto semelhante de coronavírus, com 78 infectados no total até o momento.

A Anvisa afirmou que adotará as medidas previstas nos normativos vigentes para ambos os casos, que podem incluir a necessidade de quarentena ou mesmo de suspensão das atividades.

Em nota, a Costa Crociere afirma que está seguindo as determinações da Anvisa e cooperando com a agência para definir qualquer requisito adicional. A companhia também garantiu que a identificação e o isolamento dos casos de Covid-19 aconteceram graças aos “robustos protocolos de saúde e segurança a bordo”.

“A saúde, a segurança e o bem-estar dos hóspedes, tripulantes e das comunidades no destino são prioridades para a Costa Crociere.”

Cuidados básicos ajudam a prevenir a Covid-19 e a gripe

Mais Recentes da CNN