Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    PF prende norte-americano com cocaína escondida em obras de arte

    Passageiro estava no aeroporto de Guarulhos e iria para Portugal com droga escondida em molduras de quadros

    Elijonas Maiada CNN

    Com o auxílio de cães farejadores, policiais federais flagraram no Aeroporto de Guarulhos (SP) um passageiro dos Estados Unidos com mais de 9 quilos de molduras para quadros e obras de arte recheadas com cocaína.

    O suspeito, de 72 anos de idade, pretendia embarcar para Portugal, mas foi preso pela Polícia Federal por tráfico internacional de drogas na madrugada desta quinta-feira (11).

    Imagens da fiscalização dos agentes na área restrita da PF obtidas pela CNN mostram um cão farejador identificando a mala que continha a droga. Logo após, os policiais passam a analisar o material. Veja:

    Os investigadores usam então uma furadeira para abrir a moldura do quadro e identificar o entorpecente com o uso do líquido específico, o que leva o passageiro à prisão em flagrante.

    Drogas no estômago

    No mesmo aeroporto, em ações distintas, entre quarta-feira (10) e a madrugada desta quinta, outros cinco passageiros foram presos por tráfico internacional.

    Ontem, três passageiros – uma mulher e dois homens – que embarcariam em voo para Portugal e França, foram presos por policiais federais que operam o aparelho de scanner corporal (bodyscan), transportando cápsulas contendo cocaína no estômago.

    Todos, em razão do risco de morte, foram conduzidos ao hospital público para que pudessem expelir a droga com segurança.

    A mesma equipe de policiais prendeu, momentos mais tarde, uma passageira natural de Angola, que pretendia embarcar para o Catar, transportando quase 4 kg de tecidos engomados com cocaína.

    Os suspeitos serão apresentados à Justiça Federal, onde poderão responder pelo crime de tráfico internacional de drogas.