Possível troca na Saúde, compra de novos lotes de vacina e mais de 15 de março

Assista ao 5 Fatos Manhã apresentado pela âncora da CNN Elisa Weeck

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

A possível troca no comando do Ministério da Saúde e a expectativa do anúncio de compra de novas vacinas estão entre os destaques da manhã desta segunda-feira, 15 de março. 

Ministério da Saúde

O governo vive a expectativa de uma troca no Ministério da Saúde. A cardiologista Ludhmila Hajjar é uma das cotadas para substituir o ministro Eduardo Pazuello. Indicada por lideranças do centrão, ela se encontrou com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) neste domingo (14). Bolsonaro tem sofrido pressão para demitir Pazuello por causa do agravamento da pandemia no país.

Mais vacinas

Em meio ao fogo cruzado, o ministro Eduardo Pazuello deve anunciar hoje a compra de 138 milhões de doses das vacinas da Pfizer e da Janssen. A previsão é de que essa carga dos imunizantes seja entregue até dezembro.

Fase emergencial

O estado de São Paulo entra nesta segunda-feira (15) para a fase emergencial da quarentena. Estão proibidos os usos de parques e praias. Esportes coletivos e celebrações religiosas com público também estão desautorizados. Haverá toque de recolher das 20h às 5h.

Daniel Silveira

Solto da prisão neste domingo pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, o deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) está apto a partir de hoje a exercer virtualmente seu cargo na Câmara. Ele vai cumprir prisão domiciliar, com uso de tornozeleira eletrônica. Silveira responde processo por ataques ao STF.

Economia

Uma análise feita pelo Bradesco BBI revela que se o país conseguisse trazer a cotação do dólar de volta aos R$ 5, o preço do diesel, internamente, já poderia ficar 8% mais barato. De acordo com os analistas, um aumento na Selic, a taxa básica de juros do país, é uma das forças que podem ajudar nessa redução do dólar.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

Mais Recentes da CNN