Produtor de Marília Mendonça é enterrado em Salvador

Corpo do produtor foi enterrado no cemitério Jardim da Saudade, na capital baiana. A cerimônia foi fechada para amigos e familiares e também contou com homenagens para a cantora Marília Mendonça

Silvana Freireda CNN

Em Salvador

Ouvir notícia

O produtor musical Henrique Ribeiro, 32 anos, que morreu no acidente aéreo que vitimou também a cantora Marília Mendonça e outros três passageiros, foi enterrado neste sábado (6) em Salvador, na Bahia.

O corpo do produtor foi enterrado no cemitério Jardim da Saudade, na capital baiana. A cerimônia foi fechada para amigos e familiares e também contou com homenagens para a cantora Marília Mendonça.

Henrique “Bahia”, como era conhecido no meio musical, foi também produtor do cantor Cristiano Araújo, que morreu em um acidente de carro em 2015. Henrique começou a trabalhar com Marília Mendonça no mesmo ano, assim como outros profissionais que trabalhavam com o cantor.

Henrique nasceu na capital baiana, mas há uma década vivia em Goiânia. Era respeitado pelo meio artístico de Salvador. Sua relação com Marília ultrapassava o papel que desempenhava como produtor-geral. Os dois tinham uma relação de amizade há mais de seis anos.

Torcedor fanático do Vitória, Henrique Ribeiro foi homenageado pelo clube de futebol nas redes sociais. O produtor deixa um filho oito anos.

O acidente

O acidente que matou Marília Mendonça e mais quatro pessoas aconteceu em Piedade de Caratinga, no Vale do Rio Doce, no oeste de Minas Gerais. O avião caiu a uma distância de três quilômetros do aeroporto de Caratinga, cidade onde a cantora faria um show.

A aeronave caiu em um curso d’água próximo de um acesso da rodovia BR-474. A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) informou que o avião bateu em um cabo de uma torre distribuição de energia da companhia em Caratinga.

A Força Aérea Brasileira (FAB) e a Polícia Civil de Minas Gerais investigam o acidente.

Relembre os famosos que morreram em 2021:

(Publicado por Daniel Fernandes)

Mais Recentes da CNN