Recife tem redução de casos de dengue, chikungunya e zika em meio à pandemia

Capital de Pernambuco registra queda nos números de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti

Diego Barros,

da CNN, no Recife

Ouvir notícia

A Secretaria de Saúde (Sesau) do Recife registrou neste ano redução de cerca de 75% dos casos de arboviroses (dengue, zika, chikungunya e febre amarela) notificados e de 83% dos casos confirmados, em comparação ao mesmo período do ano passado.

Leia também:

Recife não descarta lockdown, desde que adotado no momento certo
Prefeito de Recife diz que monitora aglomerações por meio de celulares

Mesmo com a redução de casos, a preocupação tem que ser constante. Cinquenta agentes de saúde ambiental e controle de endemias foram contratados para reforçar as ações de sanitização de espaços públicos para prevenção da Covid-19 e de controle do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zilka.

Até o momento, foram notificados 952 casos de arboviroses, sendo 765 casos de dengue, 167 de chikungunya e 20 de zika. Destes, foram confirmados 278 casos de dengue e 65 de chikungunya.

Em relação aos óbitos, foram notificadas quatro mortes suspeitas de arboviroses, das quais três foram descartadas e uma continua em investigação pela Vigilância Epidemiológica do Recife.

O principal foco de atuação dos agentes de saúde ambiental e controle de endemias da Prefeitura do Recife, durante a pandemia, tem sido a sanitização de espaços públicos para desinfecção, de forma a evitar a proliferação do novo coronavírus.

Ação de sanitização em Recife para combater às arboviroses
Ação de sanitização em Recife para combater as arboviroses
Foto: CNN (16.jul.2020)

COVID-19 no Recife

No boletim desta quinta-feira (16), a capital pernambucana totalizou 23.433 casos confirmados da COVID-19, sendo 15.295 casos leves da doença e 8.138 casos de SRAG. A doença já deixou 1.997 mortos no Recife.

Pernambuco totaliza 76.091, sendo 21.653 graves e 54.438 leves. O estado totaliza 5.836 óbitos.

Mais Recentes da CNN