Produção de vacina contra Covid-19 em SP e mais da tarde de 11 de junho

Assista ao 5 Fatos Tarde apresentado pela âncora da CNN Luciana Barreto

Da CNN

Ouvir notícia

O anúncio do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), de que o Instituto Butantan vai produzir uma vacina contra o novo coronavírus em parceria com o laboratório chinês Sinovac Biotech, e a reabertura de shoppings em São Paulo e no Rio de Janeiro estão entre os destaques do 5 Fatos Tarde desta quinta-feira, 11 de junho de 2020.

Vacina contra Covid-19

São Paulo vai produzir uma vacina contra o novo coronavírus. O anúncio foi feito pelo governador João Doria (PSDB). A produção será feita através de uma parceria entre o Instituto Butantan e um laboratório chinês. Segundo o governador, a vacina está na terceira e última fase de testes e logo será produzida em grande escala.

Reabertura de shoppings

São Paulo e Rio de Janeiro iniciam hoje a reabertura de shoppings centers. Na capital fluminense, 38 estabelecimentos começaram a abrir desde o meio-dia. O horário de funcionamento será de 8 horas, do meio-dia às 20h. Já em São Paulo, 46 shoppings reabrem a partir 16h desta quinta-feira com expediente de apenas 4 horas.

Pandemia nos EUA

Os Estados Unidos ultrapassaram a marca de 2 milhões de casos confirmados de Covid-19, segundo dados da universidade americana Johns Hopkins. O número corresponde a quase 30% do total mundial. Os Estados Unidos também são a nação com mais mortes atribuídas à doença. Até a madrugada desta quinta-feira foram quase 113 mil óbitos.

Mercado externo

A remessa de dinheiro de brasileiros que vivem no exterior é a maior já registrada desde a década de 1990. A análise exclusiva do diretor do CNN Brasil Business, Fernando Nakagawa, mostra que os valores vêm aumentando gradativamente desde 2015, quando o país entrou em recessão. O envio de países como Estados Unidos, Reino Unido e Japão bateu recorde histórico: U$S 3 bilhões em 12 meses, entre maio de 2019 e abril de 2020. Dados da Polícia Federal mostram que quase 1,5 milhão de brasileiros deixaram o Brasil desde a recessão de 2015.

Ministério das Comunicações

O chefe da Secretaria Especial de Comunicação Social, Fábio Wajngarten, foi nomeado Secretário-executivo do novo Ministério das Comunicações. A pasta foi recriada pelo presidentre Jair Bolsonaro nesta quarta-feira. Wajngarten vai acumular as funções dos dois cargos. A Secom era ligada à secretaria de governo da presidência, do ministro Luiz Eduardo Ramos. Agora, suas atribuições, como o gerenciamento de contratos publicitários do governo e a coordenação da comunicação institucional, passam a ser subordinadas ao novo ministro, Fábio Faria.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br.

 

Mais Recentes da CNN