Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    São Paulo tem 100% da frota de ônibus durante greve do transporte sobre trilhos

    Prefeitura da capital monitora o transporte público a adicionou 200 linhas na capital

    Por volta das 6h da manhã, 13.750 linhas eram monitoradas pela SPTrans, sem ocorrências
    Por volta das 6h da manhã, 13.750 linhas eram monitoradas pela SPTrans, sem ocorrências Jairo Nascimento/CNN Brasil

    Jairo Nascimentoda CNN

    A Prefeitura de São Paulo determinou que a SPTrans, empresa responsável por administrar o transporte público municipal, use 100% da frota de ônibus durante toda a terça-feira (28), enquanto acontece a greve do Metrô, CPTM, Sabesp e professores.

    Por volta das 6h da manhã, 13.750 linhas eram monitoradas pela SPTrans, sem ocorrências. De acordo com relatos de usuários do transporte, os ônibus estão cheios.

    Por causa da greve, 100% da frota está em circulação. Não haverá redução na quantidade de ônibus no horário de “entrepico”, ou seja, nos momentos de demanda menor.

    Houve um acréscimo de 200 ônibus para a operação desta terça e 26 linhas que faziam a ligação estações de metrôs e bairros foram remanejadas.

    A partir das 6h30, o prefeito Ricardo Nunes (MDB), acompanha o monitoramento na sede da SPTrans, na zona norte de São Paulo.

    Além do esquema especial no transporte por ônibus, o rodízio de carros foi suspenso na capital paulista.